O culpado não é o ônibus

21 Jan

Sério, chega de queimar busão na hora de protestar!

Parece que não existe outra forma de explicitar indignação, sobretudo nos ‘cantões’ mais obscuros das grandes cidades. Ê falta de criatividade e de consideração pelo ínfimo investimento do dinheiro público.

Falo isso pq um monte de gente TEM QUE usar o coletivo e além de ficar em longas filas e enlatado, assim como esse bando de zé-povinho com suas ‘máquinas’  que só serão quitadas ( se não, roubadas) durante as Olimpíadas do Rio ou, com muita sorte minutos antes fim do mundo, tem que aguentar o sensacional trânsito (ou a falta dele).

E NÃO É SÓ ISSO! Todo o imposto arrecadado ajuda a pagar a manutenção e/ou renovação da frota. Logo, não adianta reclamar muito. Se o pouco que fazem, o povo mesmo destrói…

Quando faltar ônibus ou tiver greve dos transportes, já sabe né?

E uma última coisa aos ‘indignados’ : quando estiver afim de destruir algo que não seja seu, tome um bom banho de álcool (serve pinga, viu?) e acenda seu melhor isqueiro contra o próprio corpo.

O mundo, mesmo morrendo, vai agradecer essa nobre ação!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: