Youth In Revolt

9 Aug
Não quero nunca renunciar à liberdade deliciosa de me enganar.

Não quero nunca renunciar à liberdade deliciosa de me enganar.

Ao mesmo tempo que é revoltante, frustrante e desgastante ficar desempregada, há nisso tudo um resquício pra lá de libertador, e eu vou, com todo meu direito e dever, aproveitar.
Nosso objetivo, desde que nos entendemos por gente, com uns 4 anos de idade, é nos tornar pessoas lindas e maravilhosas, prontas para o mundo e seus desafios. A gente já frequenta a escola nessa idade e faz amiguinhos, e começa a ter rotina, responsabilidades. Isso é justo com uma criança? Ok que ela vai brincar e socializar, enfim. Mas desde os 4 anos de idade nos submetemos a não fazer escolhas. Nossos pais traçam nossas escolhas.
Você cresce, continua na escola, aí você sai dela e entra pra uma faculdade de sabe-se lá o quê, para ser a mesma coisa. Sem rumo. Você arruma um emprego, querem que você vire chefe. Você arruma um namorado, querem que você case. Você arruma uma casa, querem que você se mude para algo melhor, maior, mais bonito. Você sai do país, querem que você volte. Você tem filhos, querem que você eduque. Você envelhece, querem que você se mantenha jovem e saudável. As cobranças não param, mas o coração sim.
Isso é vida?

2 Responses to “Youth In Revolt”

  1. Lucas August 10, 2010 at 7:58 PM #

    Sem rumo.
    Muito real tudo isso, se a vida nao for pra mais que isso..
    eu tou frito.

  2. verdadesimpensadas September 19, 2010 at 5:40 PM #

    Gostei das observações, de fato somos cobrados a todo tempo por todos, e principalmente por nós mesmos…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: