That feel

10 May

Sabe quando você tem a plena sensação de que seu plano vai dar merda e mesmo assim você vai lá e consagra a merda? Você coroa a sua vida com um monte de bosta que poderia ser evitado?
Pois bem. Passei por essas! Aconteceram N coisas que impediram a minha viagem à Buenos Aires, desde incertezas até perder a porra do avião!
E eu fui…ah, fui! Pra descobrir o quanto alguém pode machucar outra pessoa. Não estou falando de homens ou casos amorosos, ok?
Estou falando de uma coisa que deveria ser, e até então era, o presente mais valioso da terra: amizade.
Descobri que tempo não faz um amigo e muito menos determina o valor daquilo que você achou que estava consolidado. Há pessoas que nasceram pra ficar sozinhas e eu não estou falando de mim.


A viagem foi muito boa sim; BsAs tem lugares incríveis, embora eu continuasse cercada de merda, visto que as calçadas são forradas por bosta de cachorro. A cidade transpira história, é um colírio para arquitetos e amantes das antigas construções que relembram o centro da minha amada São Paulo. Na hora de voltar, me deu tristezinha de deixar aquela terra sem ter conhecido tudo o que eu queria, mas no fundo também deu um grande alívio de ter deixado fantasmas do passado para trás e para sempre.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: